Página Inicial | Notícias | Contato | Chat | Enquetes | Índice de Artigos | Nossas Fontes


 
 
Você está aqui: Página Inicial >> Aspectos Históricos >> Cronologia Ufológica - Ano 1951 até 1960 >> Cronologia - Ano1951
 
 

Acima Avançar

 - Investigaçõo:

 

Cronologia de Casos Ufológicos - Ano 1951

 


Estudo Estatístico dos Casos do Ano de 1951

 

Por Jackson Luiz Camargo ( ufojack@yahoo.com )

  Comentários  |  Imprimir esta página

 

Década de 50: [ 1951 ] 1952 ] 1953 ] 1954 ] 1955 ] 1956 ] 1957 ] 1958 ] 1959 ] 1960 ]


 

Baixar Cronologia 1951.pdf [850 Kb]


 

Embora a Ufologia tenha surgido em junho de 1947, foi somente a partir do começo da década de 1950 que o estudo dos objetos voadores não identificados solidificou-se. Foi nesta época que as primeiras instituições de estudo do fenômeno começaram a surgir em diversos países, compilando casos de variados graus que hoje utilizamos em nosso estudo estatístico.

Este estudo não está completamente finalizado, pois novas fontes de informaçõo podem ser descobertas e compiladas resultando em novas atualizações. As fontes utilizadas para compor este estudo estõo relacionadas ao final da página e na listagem geral de casos, disponível em aqui em PDF.

Foram contabilizados ao todo 163 casos, ocorridos em 28 países. Deste total, 112 casos ocorreram na América do Norte, 4 na América do Sul e um na América Central. A Europa apresentou 18 casos, Ásia 20 e Oceania 4 casos. Essa diferença abissal entre o número de casos da América no Norte e as outras regiões pode ser explicada pelo fato de ali já existirem grupos estruturados registrando e investigando estas ocorrências. Além disso, em alguns destes países, forças militares, notadamente a Força Aérea, registraram e em algumas ocasiões investigaram tais casos.

 

A distribuiçõo de casos por período ficou assim distribuída:

 

Casos por Período

Indeterminado 12
Janeiro 15
Fevereiro 13
Março 13
Abril 5
Maio 2
Junho 10
Julho 12
Agosto 20
Setembro 17
Outubro 22
Novembro 11
Dezembro 11
Total 163

 

 

 - Gráfico de distribuiçõo de casos por mês:

 

O  estudo de períodos foi particularmente interessante pois revelou a quantidade de casos ocorridos em cada mês. Através do gráfico acima pode-se observar a evoluçõo dos casos ao longo dos meses do anos 1951. De janeiro à março, a quantidade de casos permaneceu mais ou menos constante, ocorrendo uma queda em abril, de 13 para 5 casos, culminando a baixa atividade de casos em abril, com apenas duas ocorrências, uma na Suíça e outra na Califórnia, nos Estados Unidos. No mês seguinte, Junho, a quantidade de casos aumentou, subindo para 10 casos, aumentando para 12 em em julho e atingindo a quantia de 20 casos em agosto. No mês seguinte, setembro, houve 17 casos, subindo novamente para 22 casos em outubro. No mês de novembro, os casos caíram pela metade (11 casos) que se manteve ainda no mês de dezembro. 

 

Tipos de casos

O estudo sobre os tipos de casos revelou a distribuiçõo entre os diferentes tipos de ocorrências daquele ano, conforme observamos na tabela a seguir:

Tipos de Casos

Avistamento de objeto 146
Pouso de OVNIs 14
Avistamento de tripulantes no aparelho, no ar ou no solo 8
Avistamento de tripulantes fora do aparelho, quando pousado 15
Casos com registro de OVNIs por Radar 27
Casos de Abduçõo 2
Casos com Efeitos Eletromagnéticos 3
Casos com Efeitos Fisiológicos 4
Casos Vestígios Físicos posteriores 0
OVNI Fotografado 5
OVNI Filmado 1
Avistamentos ocorridos durante voo, tanto civil quanto militar 46
Caso de perseguiçõo aérea 8

 

Entre as 163 ocorrências do ano de 1951, houveram 146 casos com efetiva observação de objeto voador não identificado ou de objetos com características definidas. Os casos em que não houveram avistamento (17 ocorrências) foram documentados somente através de radar. Houveram também 10 casos em que houve simultaneamente o avistamento e a captaçõo através de radar.

Neste estudo, contabilizou-se 46 casos de avistamento a partir de aeronaves, civis ou militares. Destes, 8 envolveram perseguiçõo aérea, sendo promovidos por caças da Força Aérea Americana.

 

Tipos de objetos observados:

Entre os tipos de objetos mais observados está o formato clássico, o chamado disco voador, com 33 ocorrências. O segundo modelo mais observado é o esférico, com 16 casos compilados. O terceiro modelo mais comum é o cilíndrico, com 8 ocorrências registradas. Do total de casos compilados, cerca de 70 deles não ofereceram informações suficientes para classificaçõo de sua forma. A tabela a seguir apresenta todos os modelos descritos na cronologia deste ano.

 

Dados sobre os objetos observados
Forma Total

%

Disco 33 20,25%
Charuto 1 0,61%
Cilindro 8 4,91%
Esférico 16 9,82%
Redondo 5 3,07%
Alongado 5 3,07%
Retangular 1 0,61%
Delta 1 0,61%
Torpedo 1 0,61%
Meia Lua 1 0,61%
Arredondado 2 1,23%
Saturno 1 0,61%
Circular 2 1,23%
Lenticular 1 0,61%
Ovóide 4 2,45%
globo 1 0,61%
Losango 1 0,61%
Pêra 1 0,61%
Bumerangue 2 1,23%
Barril 1 0,61%
Obelisco 1 0,61%
Domo 2 1,23%
Tubular 1 0,61%
cone 1 0,61%
sem forma relatada 70 42,94%
Total 163 100%

 

O estudo estatístico deste e de outros anos continuará indefinidamente. Novos dados poderão ser analisados conforme novas fontes sejam compiladas.

 

 Atualizações deste estudo:

Data Obs.:

29 de dezembro de 2010

 Publicado primeiro estudo estatístico para este ano

 

 

Home
Aspectos Históricos
Casos Ufológicos
Galerias
Comprovações
Artigos Especiais
Hipóteses e Teorias
Fraudes
Espaço do Ufólogo
Links Recomendados
Multimídia
Downloads
Busca
Chat
Deixe sua mensagem

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

   
 - Veja também

1951
1952
1953
1954
1955
1956
1957
1958
1959
1960

 

 
   
 - Outros artigos recomendados

Ano 1 até ano 1000

Cronologia de fatos, descobertas, relatos e documentos históricos com manifestações incomuns ocorridos entre os anos 1 d.C. e 1000 d. C.

Ano 1001 até ano 1900

Cronologia de fatos, descobertas, relatos e documentos históricos com manifestações incomuns ocorridos entre os anos 1001 d.C. e 1900 d. C.

Caso Lubbock

Um interessante caso de avistamento múltiplo com registro fotográfico, ocorrido em final de agosto e começo de setembro de 1951

Caso Fort Monmouth

Uma interessante sequencia de captaçõo de OVNIs por radar, a partir de bases americanas no estado de Nova Jersei

 
   
 - Sugestão de Vídeos

 

 
   
 - Sugestão de Livros
[L1] HYNEK, J. A. Ufologia, Uma Pesquisa Científica. Uma apreciaçõo crítica do problema dos UFOs/OVNIs pela mais alta autoridade no assunto.Traduçõo de Wilma Freitas Ronald de Carvalho. Rio de Janeiro: Editora Nórdica, 1972.
[L2] PEREIRA, Flávio. O livro vermelho dos Discos Voadores.Sõo Paulo: Edições Florença Ltda., 1966.
[L3] SIMÕES, Auriphebo Berrance. Os discos voadores - fantasia e realidade. Sõo Paulo: Edart; 1959.
[L4] CARRIÓN, Felipe Machado. Discos voadores - Imprevisíveis e conturbadores. Escola Gráfica Educandário Sõo Luiz, 1968.
   
 
   
 - Artigos de Revistas
[R1] PEREIRA, F. C. N. A Verdade sobre a Barra da Tijuca. OVNI Documento, Rio de Janeiro, n° 1, p. 9-12, outubro 1978.
[R2]  ZALUAR, Aurélio. Caso da Ilha de Trindade: 21 anos depois. OVNI Documento, Rio de Janeiro, n° 5, p. 21-24, out/dez 1979.
[R3]  SOARES, J. V. História dos Discos Voadores no Brasil. Ufologia Nacional e Internacional, Campo Grande, n° 3, p. 20-21, julho/agosto de 1985.
[R4]  SANTOS, Horta. A ortotenia: Investigando o comportamento regular e organizado dos discos voadores e seus tripulantes. Ufologia Nacional e Internacional, Campo Grande, n° 9, 08-13, set/1986.
[R5]  História dos discos voadores no Brasil. Revista Disco Voador. Porto Alegre, 1980.
   
 
   
 - Boletins
[B1] Boletim da Sociedade Brasileira de Estudos de Discos Voadores (SBEDV) - ediçõo 01
[B2]  Boletim da Sociedade Brasileira de Estudos de Discos Voadores (SBEDV) - ediçõo 02
[B3] Boletim da Sociedade Brasileira de Estudos de Discos Voadores (SBEDV) - ediçõo 03
[B4] Boletim da Sociedade Brasileira de Estudos de Discos Voadores - n° 04
[B5]  Boletim da Sociedade Brasileira de Estudos de Discos Voadores (SBEDV) - ediçõo 05
[B6]  Boletim da Sociedade Brasileira de Estudos de Discos Voadores (SBEDV) - ediçõo 06
[B7]  Boletim da Sociedade Brasileira de Estudos de Discos Voadores (SBEDV) - ediçõo 07
[B8]  Boletim da Sociedade Brasileira de Estudos de Discos Voadores (SBEDV) - ediçõo 08
[B9]  Boletim da Sociedade Brasileira de Estudos de Discos Voadores (SBEDV) - ediçõo 09
[B10]  Boletim da Sociedade Brasileira de Estudos de Discos Voadores (SBEDV) - ediçõo 010
[B11]  Boletim da Sociedade Brasileira de Estudos de Discos Voadores (SBEDV) - ediçõo 011
[B12]  Boletim da Sociedade Brasileira de Estudos de Discos Voadores (SBEDV) - ediçõo 012
[B13]  Boletim da Sociedade Brasileira de Estudos de Discos Voadores (SBEDV) - ediçõo 013
[B14]  Boletim da Sociedade Brasileira de Estudos de Discos Voadores (SBEDV) - ediçõo 14
[B15]
[B16]  Boletim da Sociedade Brasileira de Estudos de Discos Voadores (SBEDV) - ediçõo 16
[B17]  Boletim da Sociedade Brasileira de Estudos de Discos Voadores (SBEDV) - ediçõo 17
[B18]  Boletim da Sociedade Brasileira de Estudos de Discos Voadores (SBEDV) - ediçõo 18
[B19]  Boletim da Sociedade Brasileira de Estudos de Discos Voadores (SBEDV) - ediçõo 19
[B20]  Boletim da Sociedade Brasileira de Estudos de Discos Voadores (SBEDV) - ediçõo 24/25
[B21]
[B22] Boletim da Sociedade Brasileira de Estudos de Discos Voadores (SBEDV) - ediçõo 31/35
 
   
 - Documentos Oficiais
[D1] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB8-849
[D2] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB8-873 
[D3] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB8-910
[D4] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB8-912
[D5] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB8-1002
[D6] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB8-1043 
[D7] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB8-1052
[D8] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB8-1060 
[D9] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB8-1065
[D10] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB8-1107
[D11] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB8-1118 
[D12] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB8-1121
[D13] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB8-1146 
[D14] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB8-1148
[D15] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB8-1165
[D16] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB8-1192
[D17] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB8-1195
[D18] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB8-1198
[D19] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB8-1209
[D20] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB8-1228
[D21] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB8-1240
[D22] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB8-1250
[D23] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB8-1263
[D24] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB8-1271
[D25] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB8-1292
[D26] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB8-1307 
[D27]  http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB8-1310
[D28] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB8-1313
[D29] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB8-1325 
[D30] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB8-1371
[D31] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB8-1382
[D32] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB8-1408
[D33] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB8-1430
[D34] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB8-1438
[D35] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB8-1448  
[D36] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB8-1552  
[D37] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB8-1568
[D38] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB8-1574
[D39] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB8-1651
[D40] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB9-231
[D41] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB9-270
[D42] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB9-334
[D43] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB9-352
[D44] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB9-364
[D45] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB9-379
[D46]  http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB9-405
[D47] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB9-421
[D48] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB9-432
[D49] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB9-441
[D50] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB9-453 
[D51] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB9-475
[D52] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB9-567
[D53] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB9-544
[D54] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB9-640
[D55] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB9-645
[D56] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB9-650
[D57] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB9-675
[D58] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB9-689
[D59] http://www.bluebookarchive.org/page.aspx?PageCode=MAXW-PBB9-697
[D60]
 
   
 
   
 
   
Comentários  
 
   
Visite nossas outras seções  
Home
1951
1952
1953
1954
1955
1956
1957
1958
1959
1960
 
   
 
 

© 2012 - Fenomenum é uma realizaçõo do Centro de Investigaçõo e Pesquisa Exobiológica [CIPEX]
Entidade sem fins lucrativos destinada ao estudo, investigaçõo e divulgaçõo de fatos ufológicos e similares