Casos ufológicos se intensificam na Itália

Por: Jackson Camargo Comentários: 0

Em diferentes regiões da Itália estão ocorrendo avistamentos, com vários registros em fotos e vídeos interessantes.


Neste artigo:


Introdução

Novos avistamentos estão sendo registrados em diferentes regiões da Itália e muitos deles contam com registros em foto e filmagens que se mostram bem interessantes.

O presidente da associação de pesquisa de OVNIs, Angelo Carannante, ao especificar que a grande maioria dos avistamentos recebe uma explicação racional e, portanto, são arquivados, anuncia que, em um primeiro grupo de avistamentos sem explicação, investigações relativas a casos foram publicadas em Mondragone ( Caserta), Catania, Varese, San Prisco (Caserta), Cuma (Nápoles), Sassuolo (Modena) e finalmente Como. Mas toda a Itália, na primavera e no tórrido verão deste ano de 2022, é afetada pelo sobrevoo de OVNIs.

Em Cuma, próximo à Nápoles, duas testemunhas viram e filmaram um enxames de luzes brancas e brilhantes, por volta de 21h30 de 21 de Abril de 2022. Em Sassuolo, Emília-Romanha, um casal, ficou maravilhado ao avistar e  fotografar três grandes esferas luminosas com uma aura vermelha e amarela ao longo da circunferência e, por dentro, uma luz branca. A certa altura, para grande perplexidade das testemunhas, as três esferas pararam e dispararam rapidamente uma após a outra em diferentes direções.

Em San Prisco, em 30.05.2022, às 21h30, uma família de 3 pessoas viu e filmou um objeto voador não identificado na cor turquesa, verde no vídeo, que parecia louco, com uma luz intermitente que ligava e desligava com uma frequência muito alta e com características que excluem, após uma análise cuidadosa, que fosse um drone: de fato, assemelha-se ao OVNI Mondragone.

Em Mondragone, no dia 14.06.2022, às 22h30, o pesquisador do C.UFO.M., Antonio Pisano, filmou, com um vídeo de cerca de um minuto, um OVNI muito estranho piscando, mudando vários tons de cores, aparecendo e desaparecendo aqui e ali na noite, como em um flash de câmera.

Em Catania, em 04.07.2022, às 16h00, dois homens, enquanto desfrutavam de um banho de mar em frente à “Playa”, viram um objeto voador branco bastante evidente pairando algumas dezenas de metros acima do solo. o céu azul, que, segundo os especialistas, parecia ter uma forma discóide.

Em Varese, em 14.07.2022, às 4h05, um caçador de OVNIs, Mattiello Ernesto, já conhecido por seu empenho em pesquisas, filmou próximo ao lago de mesmo nome, uma estranha esfera branca que em poucos minutos percorreu centenas de metros, finalmente eclipsando, escondido pela vegetação, em uma área que os moradores já conhecem pelos muitos relatos que ocorreram ainda nos últimos anos.

Em Mondragone, no dia 14.06.2022, às 22h30, o pesquisador do C.UFO.M., Antonio Pisano, filmou, com um vídeo de cerca de um minuto, um OVNI muito estranho piscando, mudando vários tons de cores, aparecendo e desaparecendo aqui e ali na noite, como um flash de câmera.

Finalmente, em Como, em 31/07/2022, às 00h15, um homem atirou em vários OVNIs em grande altitude, mais uma vez “Estrelas que se movem”, como em Cuma, porém com uma disposição diferente de objetos voadores. A certa altura, a testemunha pensou em apontar um laser para um dos objetos, o que dava a impressão de responder, ligando e desligando, aos “sinais” do homem.

Novos relatos de objetos voadores não identificados na Ligúria chegaram à associação italiana de pesquisa alienígena (ARIA), fundada pelo ufólogo Angelo Maggioni e composta, segundo Maggioni “por ex-soldados da Força Aérea e com a colaboração de engenheiros aeroespaciais de importantes empresas que eles colaboram com o programa espacial NASA Artemis – 1.

Outros relatórios se originaram em diferentes regiões, como: Luserna San Giovanni (Turim), Ischia, Mondragone novamente, Ragusa, Palermo, Siracusa. Salerno, Paestum e Baia Arena Montecorice (Salerno). Lamezia Terme (Catanzaro), Milão, Trento, Génova, Ferrara, Lecce, Citerna (PG), Rossano Veneto (Vicenza) e assim por diante, com locais também na Sardenha, Abruzzo.

De Savona a Calice Ligure, esta é a viagem de supostos objetos não identificados e em ambos os casos falamos de esferas luminosas silenciosas que realizam manobras “inteligentes” e conscientes” – diz Maggioni. “Das nossas investigações internas não houve nenhum exercício militar específico esta semana que pudesse “poluir a cena de observação” podemos incluir a presença da ISS que, no entanto, passou em momentos que não eram compatíveis com as observações recebidas em nosso quartel-general. Além disso, em duas ocasiões os objetos esféricos teriam “parado” antes de iniciar novamente em direção ao interior da Ligúria, um comportamento que não pertence a objetos terrestres como satélites, aviões, sondas e pássaros incapazes, por razões óbvias, de permanecer no ar enquanto permanece perfeitamente parado“.

Ainda de acordo com o fundador da associação, “a Ligúria está cheia de eventos anômalos e às vezes não resolvidos sobre os fenômenos considerados ufológicos, em particular as áreas mais adequadas para observações fáceis são Seborga (IM) Pian Dei Corsi (SV) Torriglia (GE) Portofino (GE) La Spezia“.

Na Itália, explica o ufólogo Maggioni, “ainda estamos muito longe de tratar o assunto com a devida seriedade e transparência intelectual, começando pelos colegas que, na onda do sensacionalismo e da especulação, na verdade vinculam a ufologia ao escárnio e à pseudociência. Os objetos observados na Ligúria se enquadram, tanto quanto podemos dispor dos dados em nossa posse, ao fenômeno UFO, mas sem excluir que também pode ser um fenômeno natural devido à energia acumulada nos últimos meses devido à onda de calor excessivo, mas também aqui não há evidência de correlação entre o fenômeno e sua natureza”.

Confira as filmagens em:

 

 

Com informações de:


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quatro × um =