Mistério da foto de Calvine pode estar chegando ao fim

Por: Fenomenum Comentários: 0

Muitas vezes considerada como uma das imagens de OVNIs de mais alta qualidade já tiradas, um desenvolvimento recente sobre quem tirou a famosa foto de Calvine levou um dos principais pesquisadores de OVNIs a apresentar uma teoria notável.


Neste artigo:


Introdução

Um importante especialista em OVNIs acredita ter desvendado o maior mistério de OVNIs dos Arquivos X na Escócia, e talvez além.

O investigador Simon Holland acha que descobriu o famoso “Incidente de Calvin” relacionado a uma foto notável tirada em Perthshire em 1990.

Foi revelado na segunda-feira (6 de março) pelo Daily Record que a imagem, considerada por muitos como a melhor foto de OVNI já tirada, foi tirada por um jovem porteiro de hotel chamado Kevin Russell.

Seu nome não havia sido revelado anteriormente, mas agora o ex-produtor da BBC Horizons, Holland, acha que chegou ao fundo do mistério, sugerindo que a British Aerospace estava trabalhando em um novo sistema de defesa à prova de radar.

O Mistério de Calvine continua sendo um dos maiores casos de Arquivo X por aí. Visto aqui, uma reconstrução da foto original

 

Ele acredita que este projeto pode ter incluído um navio em forma de diamante escoltado por jatos Harrier de propriedade privada.

Falando em seu canal no YouTube sobre a imagem, que foi tirada perto da A9 perto de Calvine enquanto Russell estava passeando entre os trabalhos no Pitlochry Hydro Hotel, Holland disse: “Recebi a história do Daily Record e acho justo dizer que há muitas pessoas entusiasmadas com este desenvolvimento emocionante.

O Kevin Russell mencionado na história teria o melhor relato em primeira mão do que aconteceu e poderia ajudar a resolver esse mistério duradouro. Mas eu tenho minha própria teoria sobre o que ele fotografou.

É amplamente aceito que os negativos foram enviados ao Ministério da Defesa, mas depois foram perdidos – mas uma imagem foi mantida por um assessor de imprensa da RAF.

A foto original de Calvine, completa com jato ‘zumbido’ (Imagem: Daily Record)

 

 

Holland disse: “Acho que muitos aceitam que a foto não é falsa. Havia, creio eu, uma misteriosa aeronave no céu naquele dia. O MOD declarou anteriormente que nenhum Harrier ‘conhecido’ estava voando em Perthshire em 4 de agosto de 1990. Isso acaba sendo uma grande pista de quem eles eram.

Ele continuou: “Descobri que os únicos outros Harriers britânicos eram de propriedade privada da BAE Systems, a empreiteira de defesa. Eles usaram seus Harriers como plataformas de teste de defesa multi-roll, testando a tecnologia avançada da BAE. Pesquisei mais fundo e descobri que a Marconi Advanced Materials, baseada no QG da BAE em Warton, Lancashire, provavelmente estava trabalhando em um material avançado de pele ‘furtiva’ para a USAF.

Simon disse que recentemente conversou com o desenvolvedor do programa Stealth da British Aerospace no final dos anos 1980 em Lancashire, Ron Evans.

Ele disse: “Ron não confirmou nenhum teste de Calvine, mas explicou o uso de metamateriais secretos para esconder aeronaves do radar. Acho que há evidências suficientes para sugerir que algo está acontecendo e seria muito útil se o MOD simplesmente saísse e nos contasse tudo sobre isso.”

Simon Holland acha que resolveu o caso e compartilhou as informações no YouTube (Imagem: Daily Record)

 

 

Com informações de:


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

vinte + dezoito =