Uma Nave Mãe ou Pedaço da Apollo?

Por: Fenomenum Comentários: 0

Famosa fotografia de UFO em forma de charuto, atribuída à Apollo 11, é mais um caso de erro de interpretação.

Outro caso de fraude que circula no meio ufológico é uma alegada fotografia da superfície lunar que teria sido obtida pelo astronauta Neil Armstrong, da Apollo 11. Nesta imagem observa-se um objeto de formato cilíndrico contra a superfície lunar. A imagem é apontada por alguns pesquisadores mais afoitos como a prova real da presença de gigantescas naves mãe na superfície lunar. A verdade é bem diferente. Para começar citamos o fato de que a fotografia não foi obtida pelos astronautas da Apollo 11 e sim da Apollo 16. A fotografia real recebe a denominação AS16-120-19238. Analisando o vasto arquivo de fotografias do Programa Apollo encontra-se outras imagens que dissolvem o mistério e fica claro que tal estrutura é apenas um pedaço da própria Apollo. Confira as imagens abaixo:

Imagem originalmente divulgada e atribuída à Neil Armstrong. O objeto na fotografia seria uma gigantesca nave mãe estacionada sobre o planeta.

 

Fotografia original, que na verdade foi obtida pelos astronautas da Apollo 16. Nesta imagem percebe-se que o desfoque é causado pela proximidade da haste da cápsula.

 

 

Hastes da cápsula erroneamente interpretadas como uma nave mãe acima da Lua.

 

Fotografia obtida durante acoplagem das cápsulas. Percebe-se com facilidade a presença da haste esclarecendo de vez o mistério.

 

 

Fotografia obtida durante acoplagem das cápsulas. Percebe-se com facilidade a presença da haste esclarecendo de vez o mistério.

Infelizmente para alguns provas cabais como esta não bastam e a imagem ainda continuará presente em meios de divulgação ufológica.

 

 

Referências:


  1. March to the Moon
  2. Flickr Apollo 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.